INTERVENÇÃO EDUCATIVA EM BIOSSEGURANÇA: APRENDIZAGEM BASEADA EM PROJETO

Fernando Alves dos Santos, Isabelle da Costa Arruda, Jairo Schantz Júnior, Karyme Lucila Jabra, Larissa Irene da Silva, Leticia Espirito Santos da Rocha Carvalho

Resumo


RESUMO

Ensinar e aprender são processos distintos e contíguos que tem no ambiente escolar o amparo para seu desenvolvimento. Este processo pode ser realizado através da aplicação de diversas técnicas e metodologias. A adoção da aprendizagem baseada em competências requer a adoção de metodologias e estratégias específicas. Metodologia: Este relato de experiência apresenta uma intervenção educativa desenvolvida numa disciplina intitulada Projeto Integrador VII que utilizou o Arco de Marguerez como metodologia de ensino para aplicação do Planejamento Estratégico Situacional (PES) através do desenvolvimento de um projeto de intervenção voltado à educação continuada para acadêmicos de odontologia voltada à biossegurança. Resultados e discussão: A realização da ação se deu pela aplicação da estratégia de gamificação, organizada em diversas etapas. Conclusão: a educação continuada e o desenvolvimento de projetos através do PES são complementares e podem colaborar com a melhoria de processos de ensino, aprendizagem e gestão de serviços.

Palavra-chave: Aprendizagem Baseada em Problemas; Práticas Interdisciplinares; Contenção de Riscos Biológicos.


Palavras-chave


Aprendizagem Baseada em Problemas; Práticas Interdisciplinares; Contenção de Riscos Biológicos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


*** ISSN  (versão online: 2595-4628 )

*** ISSN (versão impressa: 2318-7018 )